Cariri Como Eu Vejo

Daniel Alves paga fiança e ficará em liberdade provisória após 14 meses na prisão

Daniel Alves deve deixar a prisão ainda nesta segunda-feira (25) depois de pagar uma fiança estipulada em 1 milhão de euros (algo em torno de R$ 5,4 milhões), e aguardará em liberdade provisória até a decisão sobre o recurso apresentado à Justiça espanhola contra a condenação por estupro, confirmaram autoridades judiciais à ESPN.

O brasileiro foi condenado a quatro anos e meio de prisão em 22 de fevereiro depois que o Tribunal Superior da Catalunha o considerou culpado de agredir sexualmente uma mulher em uma boate de Barcelona, em 2022.

A possibilidade para o pagamento da fiança foi aberta à defesa de Daniel Alves na quarta-feira, mas o jogador permaneceu na prisão durante o fim de semana enquanto representantes se movimentavam em busca da quantia estipulada dentro do prazo, que se encerrava nesta segunda-feira.

Fontes disseram à ESPN na semana passada que Alves estava explorando diferentes caminhos para levantar os R$ 5,4 milhões exigidos, incluindo a venda de propriedades e a solicitação do dinheiro que lhe era devido pela Agência Tributária Espanhola.

A agência de notícias espanhola EFE informou através de fontes judiciais que Alves efetuou o pagamento na sexta-feira.

O tribunal confirmou o recebimento do pagamento da fiança de Alves apenas nesta segunda-feira, e disse que ele seria libertado dentro de horas.

Para que Alves seja libertado, ele é obrigado a entregar os passaportes brasileiro e espanhol, além de pagar fiança. O atleta, que tem residência perto de Barcelona, está proibido de sair do país.

Daniel Alves também não pode aproximar-se a 1.000 metros da vítima ou tentar se comunicar com ela, e deve comparecer semanalmente ao tribunal.

ESPN

Compartilhe:

Descubra mais sobre Cariri como eu vejo

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading