Cariri Como Eu Vejo

Ceará recebe encontros do G20 ligados a educação, economia e geração de empregos

O Ceará receberá, entre julho e outubro deste ano, encontros de Grupos de Trabalho (GTs) das maiores economias do mundo. No ano em que o Brasil assume a presidência do G20, o Estado entra na rota de discussões sediando encontros com temas ligados ao Ministério da Educação, Fazenda e Trabalho. As reuniões, tanto técnicas quanto ministeriais, serão realizadas no Centro de Eventos do Ceará, em Fortaleza.

O Brasil assumiu a presidência do G20 em dezembro de 2023, e é responsável por organizar reuniões técnicas e conferências ministeriais até a 19ª Cúpula do G20, que ocorrerá nos dias 18 e 19 de novembro, no Rio de Janeiro. A Cúpula reunirá chefes de Estado e de Governo das principais economias do mundo, entre elas estão Estados Unidos, China, Rússia, Japão, Arábia Saudita, África do Sul, Canadá, União Européia, União Africana, entre outras. Juntos, elas representam 85% do PIB e 65% da população mundial.

O governador do Ceará, Elmano de Freitas, desejou boas-vindas a todos que participarão dos eventos em solo cearense e enfatizou que é um momento de grande oportunidade para o Estado. “Em paralelo a esses fóruns, realizaremos reuniões técnicas e eventos culturais para promover o nosso estado, proporcionar novos investimentos e ampliar a geração de emprego e renda aos cearenses. O presente e o futuro do nosso planeta estão passando pelo Ceará”, enfatizou Elmano.

Encontros no Ceará

A Cúpula do G20 chega ao país com o tema “Brasil 2024, construindo um mundo justo e um planeta sustentável”. O fórum debaterá o Combate à fome, pobreza e desigualdades; As três dimensões do desenvolvimento sustentável (econômica, social e ambiental); e a Reforma da liderança global. No Ceará, serão quatro períodos de discussões, que têm início no mês de junho.

Entre os dias 10 e 12 de julho, será iniciado o calendário do G20 no Ceará, com painéis organizados pelo Ministério da Fazenda e o Banco Central do Brasil, com o tema “Arquitetura Financeira Internacional”. Entre os dias 1º e 5 de julho, o Ceará terá mais dois momentos liderados pelo Ministério da Fazenda, com os temas “Parceria Global para Inclusão Digital e Infraestrutura”.

Ainda em julho, entre os dias 23 e 26, os painéis serão organizados pelo Ministério do Trabalho e Emprego, com objetivo de discutir a ampliação e a geração de empregos nos países menos desenvolvidos.

Reconhecimento na educação

Reconhecido pela excelência na educação pública, e com o ministro da Educação cearense, o estado também sediará as discussões técnicas e ministeriais voltadas à Educação. Os encontros voltados à educação, entre 29 e 31 de outubro, encerram o calendário cearense no G20. “Essa escolha não foi aleatória. A qualidade da educação pública do Ceará credenciou nosso estado a receber especialistas da área dos principais países do mundo. Teremos a grande oportunidade de apresentar ao planeta a nossa educação, que há mais de uma década lidera os principais índices do país”, concluiu o governador.

Ao longo dos anos, o Ceará tem apresentado índices positivos na área da Educação, destacando-se entre os outros entes da Federação. Quando o assunto é Escolas em Tempo Integral, o Estado conta com 75% da rede estadual de ensino constituída de escolas nessa modalidade, e tem o objetivo de, até 2026, chegar a 100%. O Estado também liderou a participação de estudantes concluintes do Ensino Médio da rede pública entre os que fizeram a prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em todo o Brasil no ano de 2023. O índice chegou a 79,8% de participação, bem maior que a média do País, que ficou em 46,7%.

Foto: Yuri Leonardo

Compartilhe:

Descubra mais sobre Cariri como eu vejo

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading