Operação Cariri Seguro: Mais de mil pessoas são flagradas descumprindo decreto em Barbalha

Barbalha

Em 18 de novembro de 2021 o Município de Barbalha aderiu ao Decreto Estadual de Isolamento Social. O município seguia mais restritivo no seu Decreto Municipal, sobretudo no limite de pessoas para eventos, porcentagem máxima dos estabelecimentos e horário de funcionamento.

Com as flexibilizações, a equipe de fiscalização formada pela Vigilância Sanitária, Demutran, Amasbar, Polícia Militar e BPRAIO perceberam no município de Barbalha um maior número de infrações sanitárias no tocante ao passaporte sanitário como condição de acesso nos estabelecimentos comerciais e eventos, além da obrigatoriedade da máscara de proteção facial.

Neste final de semana, durante a Operação Cariri Seguro deflagrada pela Polícia Militar, mais de 1000 pessoas foram abordadas seja em bares seja em eventos descumprindo os protocolos sanitários para o enfrentamento do coronavírus.

Só no Sítio Macaúba, zona rural do município de Barbalha, por exemplo, dois eventos foram encerrados por ausência do passaporte sanitário e uso de máscara de proteção facial, inclusive no momento da dança. Os organizadores desses eventos foram penalizados, as pessoas foram conduzidas as suas casas e a “festa” foi imediatamente encerrada.

O coordenador da Vigilância Sanitária de Barbalha, Carlos Henrique Albuquerque, trás mais detalhes dessas ações:

1 thought on “Operação Cariri Seguro: Mais de mil pessoas são flagradas descumprindo decreto em Barbalha

  1. Eles ignoraram a festa no caldas, ou lá o pessoal da fiscalização não sobe pra não gastar gasolina

Deixe o seu comentário