Médico é preso por estuprar paciente durante atendimento em posto de saúde no Interior do Ceará

Notícias

Um médico de 45 anos foi preso sob suspeita de estupro. O homem teria abusado sexualmente de uma paciente de 18 anos, em Hidrolândia, Interior do Ceará. A vítima buscou atendimento na Unidade Básica de Saúde (UBS) Cosma Maurício da Silva com um quadro de mastite em decorrência da amamentação, quando foi violentada pelo profissional.

Segundo a Polícia Civil, o homem, de identidade preservada, foi detido por força de um mandado de prisão preventiva. “O caso, que estava a cargo da Delegacia Municipal de Santa Quitéria, foi concluído e remetido à Justiça. O suspeito, que foi indiciado, encontra-se à disposição da Justiça”, informou a PCCE nesta segunda-feira (11 de julho de 2022).

A jovem denunciou o médico em maio deste ano. Ela relatou nas redes sociais que o procedimento começou normalmente, mas depois o profissional de saúde começou a “chegar mais próximo” para tentar beijá-la, fazendo “perguntas eróticas”, como: “você já teve relação sexual depois que teve sua filha?’, ‘você me deixou excitado, você não tá?’. Eu fiquei sem reação”, disse a vítima.

A prisão aconteceu no bairro José Bonifácio.

‘ESTADO DE CHOQUE’
“Quando saí, como estava muito traumatizada, fui para casa, fiquei em estado de choque, não sabia o que fazer, é algo que nunca se espera, você ir ao médico e passar por isso. Conversei com a minha mãe, que me incentivou a denunciar. […] Meu psicológico está abalado, não consigo dormir direito, não consigo comer, não consigo pensar, porque fico me lembrando”, desabafou a universitária.

O médico ainda fez comentários sobre os seios da paciente e tentou iniciar um contato íntimo.

Na época, a Prefeitura Municipal de Hidrolândia informou que afastou o médico após as denúncias, “para melhor elucidação dos fatos”. A gestão disse que “zela pelo bom atendimento por parte de todos os seus servidores aos usuários que utilizam do serviço público”.

Fonte: Diário do Nordeste

Deixe o seu comentário