Garota morta por asfixia no Cariri e roubaram sua bicicleta em Jardim

Notícias Cariri Policial

Cerca de dez dias depois e um novo homicídio foi registrado em Jardim se constituindo no segundo do mês de maio no município e o sexto do ano. Por volta das 22h30min foi encontrado o corpo da jovem Marquiana Pereira dos Santos, de 26 anos, que residia no Sítio Serra Gravatá II na zona rural de Jardim. Estava num matagal não tão distante de sua casa onde foi morta por asfixia com um fio no pescoço e a cabeça envolta num saco plástico.

Segundo familiares, a mesma tinha saído de casa por volta das cinco horas da madrugada de sábado com o objetivo de fazer uma faxina no estabelecimento comercial pertencente ao seu irmão e não mais retornou. Preocupados com a ausência de contatos familiares saíram à procura encontrado o corpo da jovem. Ela trafegava numa bicicleta e tinha levado consigo o celular os quais não foram encontrados configurando mais um caso de latrocínio na região do Cariri.

Esta foi a primeira mulher assassinada este ano em Jardim e a décima na região do Cariri. A última mulher morta naquele município tinha sido Maria Aparecida dos Santos, de 53 anos, a “Cida de Juvêncio”, no dia 23 de fevereiro de 2018, dentro de sua casa na Rua Santo Antonio perto do Fórum no centro da cidade. Três homens chegaram ao imóvel procurando o filho dela – envolvido com o tráfico de drogas – para matar e terminaram executando Cida quando fugiram num Fiat Strada de cor branca.

Via Site Miséria

Deixe o seu comentário