Fisioterapeuta destaca técnica para tratar a diástase, muito comum no pós-parto

Notícias Cariri Saúde

Sua barriga continua grande mesmo após ter ganhado bebê? A gravidez é um período muito especial para as mulheres, contudo as mudanças corporais podem trazer alguns problemas.

A diástase, por exemplo, é normal durante esse período, pois o bebê precisa de espaço e os músculos se separam. Entretanto, aproximadamente 60% das mães não conseguem ter a musculatura de volta ao local de origem, gerando com isso um problema.

A Fisioterapeuta Patrícia Correia, especialista em diástase, destaca que esse afastamento dos músculos reto abdominais desencadeia alguns sintomas como dores nas costas, principalmente na lombar, incontinência urinária, má postura, músculos fracos e sem tônus fazendo proporcionando uma barriga estufada parecendo que ainda está grávida, o que abala principalmente o psicológico.

“Existem formas de tratamento por meio de cirurgia plástica e também com método não invasivo, através de exercícios específicos como o Hipopressivo, conhecido como a técnica da barriga negativa, e o RAP – Respiração com Ativação Profunda. Então esses exercícios podem ser feitos por profissionais da saúde com habilitação no método”, disse Patrícia.

Além de fortalecer a região abdominal, o exercício Hipopressivo também é indicado para tratar incontinência urinária, uma vez que tal disfunção não pode ser vista como algo normal e sim como algo que deve ser tratado, tudo isso através de respiração e pautas posturais, sem falar nos outros inúmeros benefícios que a prática pode trazer para o corpo como um todo, aumentando a autoestima e devolvendo saúde e qualidade de vida para que pratica.

Assessoria Commonike

Deixe o seu comentário