Barbalha sedia formação da rede de enfrentamento à violência contra a mulher do Cariri

Barbalha

O município de Barbalha sediou a ‘Formação para profissionais da rede de enfrentamento à violência contra a mulher do Cariri’ promovido pelo Governo do Estado, em parceria com a Secretaria do Trabalho, Desenvolvimento Social, Mulheres e Direitos Humanos (STDSMDH). O evento foi realizado nesta sexta-feira, 4, e reuniu a participação de 15 municípios cearenses para debater gênero, violência contra a mulher e políticas de enfrentamento.

O encontro contou com a participação da Coordenadoria de Políticas Públicas para Mulheres da Secretaria de Proteção Social do Estado (SPS) com curso de formação realizado no CEUs, Parque da Cidade, bem como rodas de conversas realizadas nos dois Centros de Referências da Assistência Social (CRAS) do município (Santo Antônio e Malvinas), com abordagens sobre as redes de atendimento municipal e estadual para o atendimento em casos de violência contra a mulher.

O prefeito em exercício, Everton Siqueira, esteve presente na mesa de abertura com fala junto ao secretário da pasta municipal, Sandoval Barreto, e a Secretária executiva de políticas para mulheres da SPS, Denise Aguiar, que se apresentou de forma virtual. Dentre os 15 municípios da rede de enfrentamento do Cariri, estiveram presentes representantes da assistência social de Caririaçu, Lavras da Mangabeira, Aurora, Grangeiro, Jardim, Porteiras, Jati, Penaforte, Brejo Santo, Mauriti, Barro, Missão Velha, Abaiara e Milagres.

De acordo com Sandoval Barreto, a preparação junto aos municípios tratando da violência contra a mulher vem para fortalecer a rede que presta serviços a esse enfrentamento. “Estaremos inaugurando a Casa da Mulher Cearense, localizada em Juazeiro do Norte, que vai ser uma forma de alinhar esse fluxo de atendimento no Cariri e, em breve, também o inauguraremos o Centro de Referência da Mulher (CRM) aqui no munícipio”, afirmou.

Deixe o seu comentário