Pamella Holanda diz que vai se afastar de redes sociais após sofrer ameaças de morte

_________

A digital influencer Pamella Holanda, que divulgou imagens em que é agredida pelo ex-marido, DJ Ivis, anunciou que vai “passar uns dias” sem telefone após sofrer ameaças de morte e receber mensagens de ódio nas redes sociais. Em 11 de junho, ela divulgou imagens sendo agredida pelo cantor, preso na quarta-feira (14).

--------------- PUBLICIDADE ---------------

-------------------CCEV-------------------

“Eu vou passar vou passar uns dias sem telefone, longe de tudo. Eu preciso cuidar da minha saúde mental. Eu não posso ser a rocha que sempre fui, tenho que me permitir ser cuidada”, disse, em rede social.
No sábado (17), ela havia relatado que recebia mensagens de ódio e ameaçadoras na internet.

“Eu tenho sofrido ameaças de morte, eu já li inclusive de outras mulheres que eu mereço passar fome, eu e minha filha”, completou.

Pamella sofria agressões desde dezembro de 2020, quando estava grávida de Mel, filha dela com Ivis. Em entrevista no programa Encontro com Fátima, Pamella afirmou que não havia denunciado antes por temer que não conseguir provar as agressões, mas revelou o caso após ter provas obtidas em vídeos feito pelas câmeras na residência.

‘Assumo meu erro’

No sábado (17), o advogado de DJ Ivis divulgou um vídeo em que o cantor pediu desculpas e assumindo o que chamou de “erro”.
“Eu estou vendo sozinho, tentando ser forte, mas não existe mais força. Eu estou passando aqui pra dizer pra cada um de vocês, pra você que é mãe, pra você que é filha, pra você que é pai, pra você que é família, pra você, Pamella: eu errei, assumo meu erro”, afirma DJ Ivis em um trecho da gravação, divulgada neste sábado.
Conforme o advogado do cantor, a mensagem foi gravada cerca de 20 minutos antes de ele ser preso, na tarde de quarta-feira.

Transferência para presídio

DJ Ivis foi transferido da Delegacia de Capturas, no Centro de Fortaleza, para o presídio Irmã Imelda Lima Pontes, na região metropolitana da capital, na tarde desta sexta-feira (16).

A Polícia Civil investiga as agressões cometidas pelo cantor em dois inquéritos policiais. Um deles aberto a partir de um BO feito por Pamella, na cidade de Eusébio, em 3 de julho, e o outro, fundamentado nos vídeos. A prisão não foi diretamente motivada pelos vídeos, mas eles foram importantes para o pedido de prisão do cantor, disse o secretário da Segurança do Ceará, Sandro Caron.
Segundo a polícia, Ivis foi detido de forma preventiva por garantia da ordem pública e por apresentar risco de fuga. O DJ está agora à disposição da Justiça.

Na audiência de custódia, alguém preso em flagrante ou por mandado de prisão provisória vai à presença de um juiz, de um membro do Ministério Público, da Defensoria Pública ou de seu próprio advogado para que seja verificada a legalidade da prisão.
DJ Ivis foi preso em um condomínio de luxo no município de Aquiraz, na Região Metropolitana de Fortaleza.

Vídeos removidos da internet

Artistas que participaram de músicas com o Dj Ivis estão desativando os comentários ou até removendo os videoclipes no YouTube.
O clipe de ‘Esquema Preferido’, uma das músicas mais famosas com participação de DJ Ivis, foi retirado do canal oficial de Tarcísio do Acordeon, artista que divide a música com o paraibano.

O cantor Vitor Fernandes manteve o clipe de ‘Oi Sumida’ no Youtube — que conta com mais de 140 mil visualizações em um mês de lançamento — mas o título da música não tem o nome de DJ Ivis, e os comentários do vídeo estão desativados.
Já DJ Guuga também manteve o vídeo de ‘Volta Bebê, Volta Neném’, que tem mais de 185 milhões de visualizações, e o nome de DJ Ivis no título, mas também desativou os comentários do clipe.

Os vídeos publicados no próprio canal oficial do YouTube de DJ Ivis estão desativados desde a divulgação as agressões contra a ex-mulher.
Já a música ‘Não pode se apaixonar’, em parceria com Xand Avião e MC Danny, não foi encontrada nos canais oficiais de nenhum dos três artistas.

Foto: Instagram/Reprodução

--------------- PUBLICIDADE ---------------

-------------------CCEV-------------------

Fonte: Portal G1 CE

Comentarios

Deixe o seu comentário