Juazeiro do Norte pede prazo extra de cinco dias a MPCE para avaliar se decreta lockdown

_________

Aumento de mortes por decorrência da Covid-19, altas notificações e leitos sobrecarregados. A soma destes fatores, que externam a gravidade do momento pandêmico vivido em Juazeiro do Norte, maior cidade do Interior cearense, levou o Ministério Público do Estado do Ceará a recomendar que o Município “adote integralmente medidas mais restritivas de isolamento social”.

--------------- PUBLICIDADE ---------------

-------------------CCEV-------------------

A recomendação feita na última sexta-feira, dia 28 de maio, concedia prazo de resposta de 24 horas. No entanto, o Município informou, nesta terça-feira (1º), ao Diário do Nordeste, ter pedido prazo extra de cinco dias para que o Comitê de Enfrentamento à Covid-19 “pudesse avaliar o cenário e, a partir dos indicadores, deliberar as ações a serem adotadas”.

Ainda conforme a assessoria do Município, diversos setores participarão da reunião extraordinária do Comitê, como representantes da indústria e comércio, além dos gestores da saúde. Apesar da extensão do prazo, a promotora de Justiça Alessandra Magda, responsável pela recomendação, antecipou que “o Município já se pronunciou no sentido de acatamento”, restando apenas definir as ações a serem adotadas.

Foto: Anderson Duarte

--------------- PUBLICIDADE ---------------

-------------------CCEV-------------------

Fonte: Diário do Nordeste

--------------- PUBLICIDADE ---------------

-------------------CCEV-------------------

Comentarios

Comente