Google lança Android 12 com mudanças no design; saiba mais

_________

O Google anunciou nesta terça-feira (18), mudanças radicais no design do Android 12, que agora passa a ser mais colorido e customizável, segundo a própria empresa. O novo sistema de design, chamado de Material You, pretende ser uma ferramenta que permite que o usuário consiga criar interfaces para si mesmo. 

--------------- PUBLICIDADE ---------------

-------------------CCEV-------------------

A companhia afirmou que a atualização estará disponível “em breve”, sem dar um tempo exato. Alguns celulares ainda estão sendo atualizados com o Android 11 neste ano, por exemplo. 
Saiba o que muda no Android 12.

Tela inicial e de bloqueio

Uma das principais mudanças está nas telas inicial e de bloqueio.
Ao colocar um papel de parede na tela inicial, o sistema operacional automaticamente seleciona a paleta que está presente na imagem, colocando as cores dominantes nos destaques da atualização, como em botões e sliders — mais ou menos como, atualmente, acontece a troca de cores em computadores Windows. 

Já na tela de bloqueio, o relógio ganhou um espaço maior quando o indivíduo não tem nenhuma notificação pendente no aparelho. Tudo, é claro, com as cores baseadas no tema.
Os ícones dos aplicativos também ficaram maiores no Android 12 e, para aumentar a luz ou o volume, novas animações foram adicionadas — tornando esses dois processos mais simples.

Novas regras de privacidade

Outra coisa que mudará na nova versão do Android são as regras e políticas de privacidade adotadas pelo sistema operacional.
Com a atualização, quando o usuário abrir um aplicativo que utiliza ferramentas como a localização, a câmera e o microfone, um pequeno ponto verde aparecerá no canto direito da tela, como afirmação de que elas estão ligadas.

Duas opções serão oferecidas para cancelar o uso delas. Quando um aplicativo tentar usá-las novamente, o Android irá avisar o usuário, perguntando se ele deseja ligar a câmera de volta, por exemplo.

Em termos de localização, o Google vai adicionar uma opção para quais tipos de acesso um app pode ter — como limitar o rastreamento somente para quando o app estiver aberto, ou oferecer localizações “precisas” ou “aproximadas”. 

Foto: Google / Reprodução

--------------- PUBLICIDADE ---------------

-------------------CCEV-------------------

Fonte: CNN Brasil

Comentarios

Comente