Adesão ao isolamento fica abaixo de 50% na primeira semana de medidas mais restritivas

_________

Adesão ao isolamento social fica abaixo de 50% na primeira semana de medidas mais restritivas no CearáO índice de adesão ao isolamento social no Ceará ficou abaixo de 50% na primeira semana de vigência do decreto com ações mais restritivas em todo o estado. O número é menor que os 60% a 70% recomendados pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para garantir a eficácia da medida.

--------------- PUBLICIDADE ---------------

-------------------CCEV-------------------

De 13 a 19 e março, a média ficou em 43%. O menor índice registrado foi de 41% na quinta-feira (18), véspera de feriado de São José. O único dia que o índice apresentou valor maior que 50% foi domingo (14) com 53,5% de isolamento da população.

O biomédico Samuel Arruda esclarece que a nova variante do coronavírus faz com que o atual momento da pandemia seja bem diferente do mesmo período do ano passado “A gente está lidando com variantes que a não estávamos acostumados a lidar. Hoje a gente vive um momento da pandemia muito diferente daquele que vivemos na primeira semana de lockdown há um ano. Os casos hoje são muito mais graves”, avalia.

A segunda onda da Covid-19 no estado alterou completamente a rotina do funcionário público Gabriel Matos que mora com a mãe idosa. “A gente tem continuado participando das reuniões do centro espírita de forma online. Os meus amigos tenho visto por videochamada. São restrições que a gente tem que fazer se a gente quiser viver livre disso”, afirma.

Vacinação em Fortaleza

A partir de segunda-feira (22), Fortaleza começa a vacinar idosos a partir de 74 anos. A medida faz parte da segunda fase do Plano Nacional de Imunização, e foi anunciada pelo prefeito Sarto Nogueira durante uma live em sua rede social no início da tarde deste sábado (20). A secretária de saúde do município, Ana Estela Leite, acompanhou o prefeito durante o anúncio.

De acordo com o gestor, após concluírem a vacinação dos idosos a partir de 74 anos cadastrados, a imunização seguirá para o público a partir de 73 anos, e assim por diante. A segunda fase de vacinação contemplará idosos até 60 anos.

“Nós lembramos que vamos continuar a vacinar idosos nessa ordem decrescente. Vamos vacinar os de 74, quando finalizarmos passaremos aos 73 anos, e por aí vai. Também gostaria de apontar que a vacinação é realizada por meio do cadastramento”, disse o prefeito.

Para receberem o imunizante nesta nova etapa, os idosos precisam estar cadastrados no site Saúde Digital. Os idosos agendados para receber a primeira dose do imunobiológico nesta segunda-feira serão comunicados, no domingo (21), via e-mail e número de WhatsApp cadastrados. Além disso, a Secretaria Municipal de Saúde disponibilizará uma lista com o nome dos agendados.

Locais de vacinação

De acordo com a prefeitura, a vacinação ocorrerá de forma descentralizada, evitando aglomeração e respeitando as regras sanitárias. Serão disponibilizados oito centros de vacinação para acolher o público de idosos.

Também haverá a vacinação domiciliar para os idosos de 74 anos acamados ou com restrição de mobilidade, condição que deve ser informada no ato do cadastramento no Saúde Digital.

A vacinação dos idosos a partir de 74 anos ocorrerá na Arena Castelão; no Centro de Eventos; no shopping RioMar Fortaleza e no RioMar Kennedy. Além do drive-thru, serão oferecidos pontos de acolhimento para vacinação para atender tanto os idosos que dispõem de carro como os que utilizam outros meios de transporte.

Além disso, os quatro Cucas (Barra do Ceará, Jangurussu, Mondubim e José Walter) também irão aplicar o imunobiológico nas salas de acolhimento para vacinação. Esses locais atendem também o público que não tem acesso à internet ou possui dificuldades em realizar seu cadastro.

Nesta segunda fase da campanha, a expectativa é alcançar 255.917 pessoas na Capital pertencentes à faixa etária de 60 a 74 anos. Conforme a plataforma Saúde Digital, 7.954 pessoas com 74 anos já estão cadastradas.

Chegada de vacinas

O Ceará recebeu na manhã de hoje o 10º lote de vacinas contra a Covid-19. A carga contém 182.850 doses do imunizante, sendo 162.600 da CoronaVac, imunizante produzido no Brasil pelo Instituto Butantan, em São Paulo, e 20.250 da AstraZeneca, desenvolvido pela universidade inglesa de Oxford.

Com a nova remessa, o Ceará recebeu um total de 1.175.250 doses, nas seguintes datas:

1º lote: 229.200 mil doses da CoronaVac em 18 de janeiro2º lote: 72.500 doses da Oxford/AstraZeneca 23 de janeiro3º lote: 33.200 doses da CoronaVac em 25 de janeiro4º lote: 115 mil doses da CoronaVac em 6 de fevereiro5º lote: 80.500 doses da Oxford/AstraZeneca em 24 de fevereiro6º lote: 49.200 doses da CoronaVac em 24 de fevereiro7º lote: 115.600 doses da CoronaVac em 3 de março8º lote: 109.800 doses da CoronaVac em 10 de março9º lote: 187.400 doses da CoronaVac em 17 de março10º lote: 162.600 doses da CoronaVac e 20.250 da Oxford/AstraZeneca em 20 de marçoGrupos prioritários

No Ceará, as vacinas são aplicadas em dois grupos prioritários da primeira fase da campanha: idosos com 75 ou mais e profissionais da saúde.

A secretária da Saúde Fortaleza, Ana Estela, afirmou na terça-feira (9) que a capital cearense está próxima de finalizar a primeira fase da vacinação. Pessoas dos grupos prioritários das fases seguintes já podem se cadastrar e aguardar pelo recebimento da dose.

A Secretaria da Saúde informou na terça-feira (16) que 56 cidades do Ceará já vão avançar para a segunda fase da vacinação, o que inclui idosos com 60 anos ou mais. A pasta, no entanto, não divulgou a lista das cidades.

Neste sábado (20), algumas cidades já iniciaram a ampliação da faixa-etária de idoso para vacinação, é o caso de Caucaia, que realiza um drive-thru para idosos a partir de 72 anos receber a primeira dose do imunizante.

Vacinas aplicadas

O Ceará já aplicou 659.772 doses desde que começou a receber os imunizantes. Desse total, 189.374 pessoas tiveram a aplicação da segunda dose.

Apenas com a aplicação das duas doses a pessoa é considerada imune a casos graves da Covid-19.

📸 Thiago Gadelha/SVM

--------------- PUBLICIDADE ---------------

-------------------CCEV-------------------

Fonte: Portal G1 CE

Comentarios

Comente