Após dois dias de intensos volumes, chuvas têm redução no Ceará

_________

Após dois dias consecutivos com pluviometria volumosa em diversas cidades do interior do Estado, a chuva apresentou redução nas últimas horas. De acordo com a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), entre as 7 horas de ontem e 7 horas desta quinta-feira (5), 17 municípios receberam precipitações. Os números são atualizados ao longo do dia. 

--------------- PUBLICIDADE ---------------

-------------------CCEV-------------------

Os maiores índices, até agora, foram registrados em Tauá (20 mm), Campos Sales (9.5 mm), Viçosa do Ceará (7 mm), Jijoca de Jericoacoara (5 mm) e Acaraú (4.1 mm). 
O meteorologista da Funceme, Raul Fritz, explica que essas precipitações do início de novembro já fazem parte da pré-estação chuvosa, que, neste ano, teve o período antecipado em um mês. As regiões mais beneficiadas com as chuvas têm sido o Centro-Sul, Sul (Cariri), Inhamuns, Sertões de Crateús e Serra da Ibiapaba. 

Ainda segundo Fritz, as chuvas atuais decorrem de um sistema frontal conhecido como Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZACS) “que traz umidade para o continente na altura da Bahia e outros estados, como o Ceará”. A previsão da Funceme é de possibilidade de precipitações até sábado (7), na faixa litorânea e no Maciço de Baturité, mas com menor intensidade.

--------------- PUBLICIDADE ---------------

-------------------CCEV-------------------

FOTO: Honório Barbosa
Fonte: Diário do Nordeste

Comentarios

Comente