Com redução na oferta de leitos, taxa de ocupação no Hospital Regional do Cariri ultrapassa os 90%

A queda no número de casos da Covid-19 causou, naturalmente, uma redução na oferta de leitos para pacientes infectados pelo novo coronavírus. 

--------------- PUBLICIDADE ---------------

-------------------CCEV-------------------

Com isso, o Hospital Regional do Cariri (HRC), em Juazeiro do Norte, referência para uma população de 1,5 milhão de habitantes, voltou a ter uma taxa de ocupação acima de 90%, tanto na unidade de terapia intensiva (UTI) como no setor de enfermaria. 

O HRC, que chegou a ter 108 leitos de UTI no início de agosto, agora, está com 31 leitos disponíveis e, destes, 28 estão preenchidos, o que representa uma taxa de ocupação de 90,32%. Já nas vagas de enfermaria, das 13 vagas abertas, apenas uma está disponível, dando representando uma ocupação de 92,31%.  

Apesar da taxa elevada, a diretora geral do HRC, Demostênia Rodrigues, explica que esse índice é por conta da redução de leitos para atendimento covid, em consequência da queda de demanda. Porém, no início da semana, a procura era menor. “O que nos deixa sempre em alerta, para ampliar novamente o número de leitos, caso seja necessário conforme a demanda, visto que a ocupação é muito dinâmica”, ressalta.  

Na macrorregião do Cariri como um todo, dos 92 leitos de UTI abertos para tratamento de pacientes com covid-19, 62 estão cheios, dando uma taxa de 67,39% de ocupação, um número bem mais confortável que o próprio HRC. Na parte clínica, é ainda menor, alcançando 19,95% das vagas.

“Apesar disso, aproveito ainda para reforçar em apelo a sociedade, precisamos manter os cuidados com higienização das mãos e ao sair de casa, tentar manter o distanciamento social, usando sempre a máscara. A prevenção continua sendo a maior arma contra a covid-19″, pondera Rodrigues.  

A macrorregião do Cariri como um todo vem tendo uma queda significativa no número de casos. Entre 25 de setembro e 2 de outubro, por exemplo, o acréscimo de casos foi de 1.267, que representa um aumento diário de 181 infectados.

Na semana seguinte, entre 2 e 9 de outubro, caiu para 99,91 casos/dia. Já nesta última semana, no último boletim epidemiológico da Secretaria de Saúde do Estado (Sesa), foram 145 infectados a mais, ou seja, 20,7 por dia.  

A evolução de casos na região do Cariri: 

▪︎16 de outubro –  Número de casos: 50.617. Acréscimo nos últimos sete dias: 145. Média diária: 20,7 

▪︎9 de outubro – Número de casos: 50.472. Acréscimo nos últimos sete dias: 698. Média diária: 99,91 

▪︎2 de outubro – Número de casos: 49.774. Acréscimo nos últimos sete dias: 1267. Média diária: 181 

▪︎25 de setembro – Número de casos: 48.507 

Foto: Ccev

--------------- PUBLICIDADE ---------------

-------------------CCEV-------------------

Fonte: Diário do Nordeste/ Por Antonio Rodrigues

Comentarios

Comente