Família de Jericoacoara vai às ruas com cartazes para conscientizar visitantes sobre o uso de máscaras

Uma família residente em Jericoacoara, no litoral oeste do Ceará, resolveu ir para as ruas da cidade com cartazes para conscientizar moradores e turistas sobre o uso de máscaras de proteção contra a Covid-19. A vila de Jericoacoara registra intensa aglomeração no feriado da Independência com desrespeito às regras de distanciamento social. A ideia de fazer a campanha surgiu em meados de agosto por iniciativa da estudante, Julya, de 10 anos, filha da assistente administrativa Jhully Pessoa e do planejador financeiro César Conrado.

--------------- PUBLICIDADE ---------------

-------------------CCEV-------------------

“A gente mora aqui em Jericoacoara e durante os passeios pela cidade, minha filha ficou incomodada ao ver que ninguém usava máscara. Ela me perguntou se a gente poderia fazer um cartaz e colocar na frente da nossa casa. Eu disse para ela que poderíamos fazer melhor. A gente pode ir lá e mostrar para as pessoas, e assim fizemos. Toda semana, nos dias de grande movimento, a gente continua indo lá e levando esse cartaz”, disse a mãe Jhully, que exibe com a menina e o marido cartazes com os dizeres “Use Máscara” e “Proteja a Vila”.

Segundo ela, nos primeiros dias, quando o fluxo de pessoas em Jericoacoara era bem menor, a ação funcionava, pois muitas pessoas olhavam os cartazes e lembravam de colocar a máscara. Contudo, com a lotação na cidade, que se intensificou neste fim de semana, a maioria das pessoas dá menos importância. “Agora com o passar do tempo e a falta de fiscalização e sinalização, as pessoas estão se constrangendo pouco. Algumas dão joia. Outras dizem que o vírus não existe e questionam nossa ação. Meu marido então explica e dá as orientações sobre a importância do uso da máscara”, afirmou.
A pequena Julya parece não se intimidar com algumas críticas recebidas pelos visitantes que passam pela Rua Principal, um dos pontos da vila onde a família fica realizando a exibição dos cartazes de conscientização. “Como toda ação, duas pessoas pararam para expor sua indignação. Ouvimos e continuamos. Os olhos da minha filha brilham quando uma pessoa passa, olha para a gente e resolve colocar a máscara. Ela fala ‘Mãe, isso dá certo”, relata orgulhosa a mãe que garante que a menina vai continuar lá segurando sua mensagem.

Foto: Beatriz Gurgel

--------------- PUBLICIDADE ---------------

-------------------CCEV-------------------

Fonte: Portal G1 CE

Comentarios

Comente