Novos respiradores serão legado para atender demandas de municípios

Nesta quarta-feira (19) deve desembarcar em Fortaleza a última carga de respiradores adquiridos pelo Governo do Ceará para o enfrentamento ao novo coronavírus (Covid-19). A informação foi antecipada pelo governador Camilo Santana em live nas redes sociais na tarde desta terça-feira (18). Ontem desembarcaram 45 equipamentos e amanhã devem chegar os últimos 40, totalizando 700 comprados e recebidos, com recursos próprios do Estado desde o início da pandemia. “Continuamos com essa ampliação de leitos, UTIs e respiradores que salvaram e continuam salvando vidas em todo o estado”, disse o chefe do Executivo.

--------------- PUBLICIDADE ---------------

-------------------CCEV-------------------

De acordo com o governador este será um grande legado para o Ceará. Com a redução de casos sendo cada vez mais constatada em todas as regiões do estado serão montadas salas de estabilização em pequenos municípios onde não há hospital. Os equipamentos servirão para a instalação dessas salas, garantindo que os pacientes possam posteriormente ser transferidos para unidades e média e alta complexidades, a depender do quadro.

Toda essa estrutura, conforme avaliou Camilo Santana, ficará para salvar vidas a partir de outras demandas. “Por exemplo, em Crateús, onde montamos leitos de UTis. Eles vão continuar lá para atender as demandas dos cidadãos da região. Para que não precisem se deslocar 200 quilômetros para ter uma cirurgia ou atendimento de saúde mais complexo”, apontou. “Da mesma forma será em municípios como Icó, Itapipoca, Caucaia, Maracanaú, Iguatu, Tianguá, enfim, todos onde foram montadas essas estruturas”.

--------------- PUBLICIDADE ---------------

-------------------CCEV-------------------

via Gazeta Cariri

Comentarios

Comente