Universitário é morto a tiros a caminho da faculdade em Quixadá

Um universitário foi morto a tiros quando ia para a faculdade, na noite desta quarta-feira (12), próximo ao terminal rodoviário de Quixadá, no sertão central do Ceará. O estudante, identificado como Walace Lucas Mesquita Meireli, era aluno do 2º semestre do curso de biomedicina e também funcionário do Centro Universitário Católica de Quixadá. 

--------------- PUBLICIDADE ---------------

-------------------CCEV-------------------

De acordo com testemunhas, o estudante sofreu uma tentativa de assalto quando estava a caminho da faculdade e reagiu à abordagem dos suspeitos, que atiraram e fugiram. 

--------------- PUBLICIDADE ---------------

-------------------CCEV-------------------

Na noite desta quarta-feira (12), a Delegacia Regional de Quixadá informou, por meio da delegada Viviane Freire, que não podia repassar mais informações sobre as circunstâncias do crime pois os policiais civis ainda estavam fazendo os levantamentos e que, portanto, não podia confirmar ou descartar a versão de latrocínio naquele momento. 

O G1 entrou em contato com a Secretaria da Segurança Pública para pedir um posicionamento sobre o caso e aguarda resposta. 

A instituição de ensino divulgou uma nota de pesar lamentando a morte do aluno. “A Unicatólica manifesta profundo pesar pelo falecimento de Walace Lucas Mesquita Meireli, funcionário e aluno da Instituição. Nossos sinceros sentimentos aos familiares e as nossas orações. Confortem-nos as palavras da fé, que nos asseguram a certeza da vida eterna junto de Deus e a esperança da ressurreição”, dizia a publicação. 

O Centro Acadêmico de Biomedicina Adolf Lutz também divulgou nota de pesar sobre a perda do jovem. “É com profundo pesar que o Centro Acadêmico de Biomedicina Adolf Lutz informa o falecimento do aluno do 2º semestre Walace Lucas Mesquita Meireli. Pedimos a Deus que conforte o coração de todos os familiares e amigos”, escreveu.                              (G1 CE)

Comentarios

Comente