Juazeirense participa da entrega do primeiro E-jet de nova geração à Azul

_________

Foto: Acervo Pessoal. Na última quinta-feira (12) ocorreu na sede da Embraer, em São José dos Campos (SP), a entrega do primeiro exemplar da nova geração de E-jets da fabricante brasileira para a Azul Linhas Aéreas, os Embraer E195-E2. A cerimônia foi marcada por muita comemoração, homenagens e diversas novidades num espetáculo de cores, luzes e emoções. Na oportunidade, um de nossos conterrâneos, o juazeirense e funcionário da companhia, Francisco Jesualdo Tiburtino, participou do evento e contou um pouco sobre como foi o momento.

--------------- PUBLICIDADE ---------------

-------------------CCEV-------------------

Dentre os grandes destaques da noite, ele informou que o principal deles, além entrega da aeronave, foi a homenagem feita ao empresário Pedro Janot, primeiro presidente da companhia em sua fundação há 11 anos. A matrícula da aeronave, inclusive, denomina-se PR-PJN (Pedro JaNot) em alusão ao nome do executivo.

Grandiosa, a cerimônia rememorou os nomes de todos os engenheiros e funcionários envolvidos desde a construção do projeto numa projeção luminosa interativa, ao som de vários ritmos musicais populares no país, como o forró, samba e bossa nova. Tiburtino, que faz parte da equipe de Analistas de Programa de Aeronaves da sede da companhia, em Barueri (SP), falou sobre a perspectiva deste momento solene.

“É o maior evento que a Embraer já fez. Ainda não havia participado oficialmente de outros, mas claramente este foi apresentado de uma forma totalmente diferente do formal, foi de fato um espetáculo”, conta.

Na companhia há 10 meses, ele nos fala que desde antes de incursar na empresa já tinha apreço pelo trabalho desenvolvido pela Azul, desde a época de sua formação em Ciências Aeronáuticas.

“Sou suspeito para falar dela. Sou apaixonado pela Azul. Desde que entrei algo que me surpreendeu foi a proposta deles em ser a melhor empresa que você irá trabalhar na sua vida. E hoje percebo o motivo disso. Diariamente recebemos em nossos emails mensagens motivacionais internas selecionadas a dedo e pensadas pelo Neeleman [fundador da Azul]. Isso é refletido nesse evento de hoje, a atenção, cuidado e inovação em fazer para o próximo”, comenta Tiburtino.

O E195-E2 é a aeronave mais ecológica de sua categoria. Tem os níveis mais baixos de ruído externo e emissões. Ele transporta mais carga útil, tem maior autonomia de voo e queima 25,4% menos combustível por assento do que a aeronave da geração anterior.

Seu alcance máximo é de 4.800 km (2.600 milhas náuticas) com carga total de passageiros, 600 milhas náuticas a mais do que o modelo de primeira geração e possui três fileiras de bancos adicionais. As companhias aéreas podem optar por configurar a cabine em duas classes com 120 assentos ou uma única classe com até 146 assentos.

A Azul no entanto configura esta aeronave com 136 assentos, todos remodelados, com quatro filas e meia de assentos a mais do que o E1. Segundo informando no evento, a companhia deve receber uma aeronave a cada duas semanas até o fim do ano, totalizando 6 unidades ainda em 2019. Isso faz com que metade das encomendas da Embraer para o modelo seja praticamente só para a Azul.

O E2, como informa o aviador juazeirense, já estará apto a voar em rotas para Juazeiro do Norte, pois não necessita de nenhuma adaptação além da já existente no Aeroporto Orlando Bezerra de Menezes, que recentemente teve PCN (capacidade de peso) da pista e do pátio de aeronaves igualado. Ele também destaca, além do diferencial do serviço de bordo impecável com diversas opções, que os aviões do modelo receberão até 2020 Wi-fi à bordo com preços bem convidativos.

“Com certeza essa aeronave já deva operar para Juazeiro tão logo entrar na frota. A companhia hoje opera seus E-jets ocasionalmente nos voos que ligam o Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas, até o Cariri, além do A320neo da Airbus. Os passageiros que embarcarem vão muito em breve saber, assim como pude ver de perto, a experiência de estar num modelo novinho como esse cheio de tecnologia, inovação e sobretudo com o padrão de qualidade da companhia que todos já conhecem e só melhor a cada dia”, completa Tiburtino.

O terminal juazeirense também é o aeroporto com o maior número de voos da Azul no Estado além de Fortaleza, com rotas diretas tanto para a capital cearense quanto para São Paulo (Guarulhos e Campinas) e Recife, que recentemente passou a contar com dois voos diários com o moderno turboélice da companhia, o ATR 72-600.

--------------- PUBLICIDADE ---------------

-------------------CCEV-------------------

Fonte Badalo

Comentarios

Comente