Policiais de Iguatu compram cesta básica após homem dizer que furtou salgados para alimentar esposa e filho

Policiais militares e Civis de Iguatu fizeram uma “vaquinha” e doaram uma cesta básica para a família de um homem que alegou só ter furtado em um mercantil, cerca de 25 salgados e uma massa de pastel para alimentar o filho de 1 ano e 1 mês e sua esposa. O crime aconteceu nesta terça-feira(23). Na ocasião, o acusado foi detido em flagrante e conduzido para a Delegacia Regional de Iguatu.

--------------- PUBLICIDADE ---------------

-------------------CCEV-------------------

Diante dos policiais e do delegado Glauber Ferreira, o mesmo afirmou que praticou o delito pois queria levar o que foi furtado para alimentar a esposa e o filho, os militares decidiram averiguar na casa do rapaz o que ele afirmou, e realmente se depararam com uma situação crítica, ” só encontramos água na casa dele, onde estavam a esposa e o filho, era algo realmente crítico”, disse o delegado.

--------------- PUBLICIDADE ---------------

-------------------CCEV-------------------

Além disso, o infrator, não possuía passagens pela polícia, a reportagem do Iguatu.net, falou com o rapaz e ele explicou o que aconteceu, ” estou sem trabalhar há duas semanas, não estou certo, o que fiz foi errado, mas foi um ato de desespero, nunca imaginei passar por isto e agradeço aos policiais que estão me ajudando”, afirmou.

Material furtado dentro de um mercantil

Em entrevista ao programa A Voz do Centro Sul ao vivo na TV Centro Sul, o delegado Glauber Ferreira, afirmou que neste caso aplicou o princípio da insignificância que é uma ação da autoridade policial,” levando-se em conta o princípio da dignidade da pessoa humana, que vincula todos os envolvidos na persecução penal, os quais devem observância aos direitos e garantias fundamentais dos investigados. Além do mesmo não ter passagens pela polícia, ou histórico de infrações e quando estivemos na sua casa e observamos que realmente a situação era terrível, decidimos aplicar este princípio da insignificância e tentar ajudar este rapaz”, declarou o delegado. Policiais militares também participaram da ação que foi aprovada nas redes sociais.

Mas uma novidade surgiu durante o programa que estava sendo transmitido ao vivo, o Grupo KG que é um dos maiores grupos empresariais do Ceará, através da sua representante Rosângela, fez um anuncio que surpreendeu a todos, ” estamos sensibilizados com a situação deste rapaz, nós já realizamos várias ações sociais com muitas pessoas, e neste caso, iremos dar uma oportunidade de emprego, para esta pessoa que está numa situação tão difícil e doaremos cestas básicas”, disse a representante do Grupo KG.

O anunciou foi comemorado pelo delegado que estava concedendo a entrevista e também pelos internautas que destacaram a inciativa do grupo empresarial.

Comentarios

Comente